A Terapia Ocupacional, suas características e seus benefícios nos tratamentos da Clínica da Gávea

A Terapia Ocupacional é uma disciplina da área da saúde que forma profissionais gabaritados para lidar com pessoas que necessitam capacitação para o desempenho de tarefas do dia a dia, as chamadas atividades de vida diária complexas ou básicas, desenvolvendo estratégias cognitivas através de sessões expressivas e de atividades que melhoram o pragmatismo e organização em geral.




Antes denominada “praxiterapia”, muitas vezes confundida também com “arteterapia”, a terapia ocupacional vai muito além de ser um passatempo com atividades manuais, ou pintura, e muito além da atividade manual ou de trabalho simplesmente. Ela se ocupa, como já dissemos, de ajudar no desenvolvimento ou restabelecimento de funções executivas, vale dizer, no planejamento, sequenciação e execução de tomadas de decisão, por meios que não a psicoterapia e/ou o uso de medicamentos.

É, pois, atividade complementar da maior importância dentro de uma equipe de saúde mental, uma vez que conta com estratégias e materiais que são muitas vezes vistos pelos pacientes de familiares como lúdicas, sem que se vejam diante de uma terapia psicológica convencional. Isso permite uma aproximação e aceitação maior desse tipo de tratamento, estimulando vias no cérebro para a recuperação, reabilitação e tratamento com mais facilidade.


A Clínica da Gávea oferece esse atendimento em grupo para seus pacientes, e uma avaliação inicial individualizada estabelece o plano terapêutico a ser desenvolvido, de modo que, mesmo em grupo, a dimensão da particularidade de cada pessoa não é perdida. Clique aqui e conheça as atividades na Clínica.


Dr Jerson Laks.